Alguns me chamam de Laris.

reticente.

Keep Holding On (for the time being).

Em um fogo cruzado, em um quarto com paredes de ferromagnético, em uma selva no meio do nada em variados tempos paralelos e o pior de tudo: NÃO é uma série de tv! Tudo isso parece ser ruim demais, soa tão dramático, mais é, me sinto exatamente assim sem tirar nem por (aliás, com mais um pouquinho de por) tudo o que eu faço achando que esta certo de alguma forma da errado já experimentei fazer o reverso pra ver se funciona mais também não fui bem sucedida, sabe quando você pensa que o único ser que se importa com você é Deus? então, é bem difícil lidar com o fato de que o único que se importa contigo não pode ser visto, não pode se comunicar com você diretamente... e enfim é tanta informação dentro da minha cabeça que eu sinto um medo surreal de perder o rumo do meu juízo, a pressão em cima de mim ta demaaaais! As pessoas não se locomovem no meu tempo, não falam a minha língua, não correspondem minhas expectativas e por consequência eu não correspondo as delas, parece que tudo esta indo pro mesmo fim, pro mesmo buraco, para aquela mesma frase super conhecida da minha vida: "tudo foi em vão" .

Followers

Ocorreu um erro neste gadget

past...

Tecnologia do Blogger.